• A Prado Papelaria agora é correspondente Bradesco!

  • hb-sementes

    hb-sementes
  • IMG-20170911-WA0078

    IMG-20170911-WA0078
Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica | 16/fev/2018

CUT anuncia greve geral na segunda com atos no Campo Grande e interior da Bahia

Foto: Divulgação / CUT-BA

Para protestar contra a reforma da Previdência, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) Bahia e outros movimentos sindicais organizam uma greve geral para a próxima segunda-feira (19). Desde a madrugada, serão realizados atos em diversas partes de Salvador e, ao final da manhã, uma manifestação está marcada para acontecer no Campo Grande. Além disso, protestos em municípios do interior do Estado, como Santo Antônio de Jesus, Cruz das Almas, Feira de Santana, Serrinha e Camaçari, devem ser realizados. “A greve vai acontecer de forma forte, ampla e resistente. Estaremos nas ruas lutando contra esse retrocesso do governo Temer, que ele denomina de reforma. E digo mais, por pressão do povo, esse desmonte da Previdência não vai passar”, ressaltou Cedro Silva, presidente da CUT Bahia. Outros Estados do país também devem organizar seus protestos na data. No entanto, a votação pode não acontecer na próxima semana. Com a perspectiva de votar a intervenção federal no Rio de Janeiro, na segunda (19) ou na terça-feira (10), a Câmara Federal pode ficar impedida de fazer uma alteração na Constituição


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica | 16/fev/2018

FOTO: Fred Reis

A sessão solene que oficializa a reabertura anual dos trabalhos da Câmara Municipal de Itapetinga teve uma inexpressiva participação popular. Além de assessores parlamentares e alguns poucos ocupantes de cargos comissionados não se viu um número de agentes populares a prestigiarem a sessão.

AUSÊNCIA DO PREFEITO MUNICIPAL:

A ausência do prefeito Rodrigo Hagge/PMDB também foi motivo de comentários, principalmente entre os vereadores de oposição e aqui cabe uma pergunta: PORQUE OS PREFEITOS GERALMENTE NÃO COMPARECEM À SESSÃO DE REABERTURA DOS TRABALHOS LEGISLATIVOS?

Geralmente os prefeitos só comparecem no inicio de seu primeiro ano  de mandato.

O ex-prefeito José Carlos Moura, por exemplo, só foi pessoalmente à sessão solene de reabertura dos trabalhos legislativos no ano de 2009, e até o último ano de seu segundo mandato, em 2016, nunca mais apareceu por lá.

É evidente que não há uma exigência regimental para o comparecimento do prefeito, sendo que o envio da mensagem anual é uma praxe, podendo a mensagem ser lida por qualquer representante indicado pelo prefeito, no caso de ontem, o encargo foi do líder do prefeito na Câmara, o vereador Jair Saloes/PMDB.

A exemplo do prefeito, a população não é obrigada a ir à sessão de reabertura dos trabalhos da Câmara Municipal, contudo, a explícita desmotivação dos populares deve-se a algum fator preponderante e cabe à Casa e aos políticos em exercício de mandato identificá-los. O povo anda ressabiado…

No mais, o sessão transcorreu sem maiores novidades, com os discursos repetitivos dos vereadores com a mesma ladainha, dizendo esperarem que este ano o legislativo municipal produza mais que o ano anterior. Assim também esperamos.

Por Maurício Gohmes


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica | 15/fev/2018

Resultado de imagem para José Carlos MouraO ex-prefeito José Carlos Moura filiou-se ao PT em 2008 e concorreu por esse partido nas eleições daquele ano. Se tivesse tino político e habilidade partidária, a primeira coisa que faria seria assumir a Presidência do PT local, tão logo se elegeu prefeito. Dese modo, filiaria ao Partido seus assessores e amigos mais próximos e assim garantiria sua liderança partidária. Não o fez, e ao final de seu primeiro mandato se viu ameaçado em sua candidatura a reeleição, pois parte dos “militantes” apresentou um outro candidato (Miraldo Mota) em uma prévia do Partido. E não venham me dizer que essa prévia representa o “espírito democrático” dentro do PT, que eu, como diz o outro, não como nada disso.

Ao final de seu segundo mandato Zé Carlos já não tinha mais o único vereador do PT (Marcos Gabrielli) ao seu lado. As relações políticas e pessoais com o então vice-prefeito Alécio Chaves, do PT, e com a ex-secretária de educação, Sibele Nery, eram explicitamente desgastadas.

Para fechar o ciclo de descompromisso partidário, nas eleições de 2016  Zé Carlos Moura apoiou (pelo menos inicialmente), a candidatura de um presidente de um outro partido (Tiquinho, do PDT), sendo que dos “aliados” do governo o PDT era a maior algoz do PT local.

Diante dessa desconstrução política e partidária empreendida pelo ex-prefeito, o PT se desgastou, perdeu espaço e, o Partido que iniciou o ano de 2009 com três vereadores, se vê hoje sem nenhuma representação na Câmara Municipal e, pasmem, tem em Zé Carlos Moura, aquele que desconstruiu a trajetória do Partido em Itapetinga, o seu grande trunfo para a eleições municipais de 2020.

Mas, a despeito de responder ao título desta matéria, como anda a relação de Zé Carlos com o PT local?

Bem, do meu ponto de vista, é uma relação de HIPOCRISIA e CONVENIÊNCIA política. É tipo aquela histórica frase proferida por Mário Jorge Lobo Zagallo: “Vocês vão ter que me engolir”.

Os espaços (leia-se cargos políticos) dentro dos órgãos públicos estaduais têm sido ocupados por gente da confiança de Zé Carlos Moura, o que minora as chances de projeção de outros postulantes à “Casa Branca” municipal. Mas esses espaços não lhes são cedidos pelo PT local e sim, pela cúpula estadual, a partir de gestão direta do deputado Rosemberg Pinto, pois com relação ao PT local, para Zé Carlos Moura, é apenas uma legenda que ele irá utilizar mais uma vez, caso queira se candidatar em 2020.

O resto, é resto e massa de manobra.

Por Maurício Gohmes


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica | 15/fev/2018

Habeas Corpus a Lula ʹfavorece impunidadeʹ, diz PGR

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, afirmou em despacho que conceder habeas corpus preventivo ao ex-presidente Lula favoreceria a impunidade, de acordo com o Estadão.

“Também favorece a impunidade e põe em descrédito a justiça brasileira, por perda de confiança da população em um sistema em que, por uma combinação de normas e fatores jurídicos, a lei deixa de valer para todos”, avalia.

A procuradora-geral ainda diz que “exigir o trânsito em julgado após o terceiro ou quarto grau de jurisdição para, só então, autorizar a prisão do réu condenado, é medida inconstitucional, injusta e errada”.

Advogados recorreram ao ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal para evitar a prisão do petista por execução de sua pena de 12 anos e 1 mês imposta pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região no caso triplex.


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga | 14/fev/2018

A UCEDA ENGLISH COURSE está oferecendo uma oportunidade para quem quer estudar inglês e não dispõe de tempo durante a semana. Trata-se de uma turma exclusiva aos sábados, para iniciantes.

Invista no seu futuro. Invista no futuro do seu filho. Venha para a Uceda English Course.

IMG-20180214-WA0016


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica | 14/fev/2018

IMG_20180213_154547O associados do Itapetinga Tênis Clube que não viajaram nesse feriadão tiveram um atrativo a mais para estarem no ITC: duas atrações musicais no sábado, domingo, segunda e terça, sendo que Samba de Elite e Toneladas de Sucessos comandaram a festa com música ao vivo.

Um expressivo número de associados frequentaram o Clube nesse feriadão e puderam degustar do amplo e delicioso cardápio que já está sendo servido pelo Restaurante do Clube, mais uma novidade que foi aprovada por todos.

ITC, sempre pensando em você.

IMG_20180213_154436 IMG_20180213_154723


Postado por Maurício Gohmes em Brasil, Cultura, Itapetinga, Politica | 14/fev/2018

Comandante da PM chama Kannário de ‘marginal’: ‘Já prendemos várias vezes’

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Anselmo Brandão, afirmou que o cantor Igor Kannário é “marginal”. A afirmação veio após ser perguntado sobre a postura do artista com a PM durante o Carnaval de Salvador.

“Kannário foi muito infeliz naquela colocação. Foi colocada uma imagem de frente, mas ninguém viu o que veio atrás. Quando a PM chegou na frente, a briga já era generalizada. Infelizmente [Kannário] é um marginal, já prendemos ele várias vezes. Fico chateado quando vejo dando espaço a ele. Infelizmente ele não pode colocar um capacete [da PM] para ir pra rua, pois não reúne as condições. Ele não pede calma, como Leo Santana faz. Ele vai pra cima”, acusou.

Brandão criticou ainda o ator Bruno Gagliasso, que também fez críticas à PM. “Eu já falei sobre isso, o ator foi infeliz. Foi muito infeliz. É um ato isolado. Sou contra excessos. Ele tem que ir pra rua. Ele tem que ver o que o policial passa. Não é fácil ficar no ar condicionado, no frio, dizendo que está errado. Se estiver errado, eu estou para corrigir. Agora não venha querer denegrir minha corporação”, bradou.

O coronel comemorou os números da Folia de Momo e classificou a festa como “tranquila”. “Zero homicídios, redução de furtos e roubou. Não tivemos baleados no circuito. O que as pessoas querem mais?”, perguntou.

Para Brandão, o caso do estudante Kaique Moreira Abreu, 22 anos, agredido no bairro da Graça, foi atípico e poderia ter acontecido até mais distante dos circuitos do carnaval. “Aquele fato ali, se vocês me perdoarem, poderia ter acontecido até em Brotas, que não está no carnaval. Foi um gesto de maldade, de crueldade. Como uma pessoa pega uma barra de madeira, arremessa na cabeça da pessoa de depois sobre em um caminhão?”.


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica | 14/fev/2018

Um bando de jovens brasileiros que costumam ficar acampados durante mais de um dia e meio, ao relento, na porta de um estádio para garantir o ingresso caríssimo e assistir os shows de Lady Gagga, Beonce ou Pablo Vittar e outros artistas de renome e sucesso da atualidade, de repente tem que se apresentar na Comissão de Seleção da Junta do Serviço Militar de Manaus para ingressar no Exército Brasileiro.

Um dos “meninos” – que certamente foi levado pela mamãe ou pela vovozinha -, com a concordância geral dos demais resolveu fazer um vídeo criticando a longa espera em serem atendidos e as condições “insalubres” em que estavam aguardando, lamentando os “maus tratos” do Exército Brasileiro aos jovens cidadãos de seu País.

Os cinco minutos de fama do jovem “garoto” correu o  mundo e chegou a um jovem brasileiro que mora nos Estados Unidos, que ato continuo, enviou um vídeo revoltado para o revoltadinho, dando conta de que cabelinho com gel e sobrancelha depilada não é o caminho mais curto para mudar o Brasil.

Esse idiota brasileiro com certeza é um dos integrantes da geração Nem Nem (Nem estuda e nem trabalha), essa mesma geração que, teoricamente, tomará conta do nosso País.

Confira no vídeo abaixo.


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Cultura, Itapetinga, Politica | 10/fev/2018

micaretas ItapetingaRecebi o convite do Programa a Boca do Povo Especial de Sábado, da Rádio Fascinação, apresentado pro Bonny Cordeiro e Zé Elias, para falar da história do carnaval de Itapetinga.

É evidente que Itapetinga não tem tradição em carnaval, propriamente dito, além dos saudosos bailes de carnaval do ACI ou as gostosas lembranças do Trio Tapa Jegue.

Lembrando que a prefeitura Municipal de Itapetinga já teve o seu próprio trio, o famoso Trio Deboche.

Projeção mesmo, Itapetinga teve a partir da criação das micaretas. E nesse aspecto o meu amigo “Marquinhos CD” é a maior referência em conhecimento do assunto e foi ele uma importante fonte de informação para se falar sobre o tema.

Marquinhos CD, um profundo conhecedor da história das micaretas de Itapetinga

A primeira micareta de Itapetinga foi realizada no ano de 1986, na primeira gestão do então prefeito Michel Hagge e teve uma duração de dez anos. Além de Michel, o único prefeito que realizou micaretas foi José Marcos Gusmão.

As micaretas sempre aconteciam no mês de abril – daí o termo micareta, em lugar de carnaval, por ser um “carnaval” fora de época –  com  a exceção da sua última edição, no ano de 1986, que aconteceu em outubro, período eleitoral.

Desde a primeira micareta, em 1986, até a última, em 1996, muitos nomes que figuram no cenário nacional e internacional da música passaram por aqui, a exemplo de Ademar e Banda Furta Cor, Asa de Águia (quando ainda era Banda Pinel), Daniela Mércure (pela Companhia Clic), Netinho e Banda Beijo, Sarajane,  Chiclete Com Banana (quando ainda era Traz Os Montes),  Jorge Zarah, Ricardo Chaves, Banda Mel dentre outros, além do Trio Elétrico Tapajós, trio Dodô e Osmar, Tocantins, etc.

OS BLOCOS DE ITAPETINGA:

Alguns blocos existiam e animavam a festa a exemplo do Kixaranga, EterNamente,  Timbalágua, Papalínguas, Chiclete Com Batata, Vibração, Locomotiva, Vem Comigo e outros.

A história das micaretas de Itapetinga tem poucos registros fotográficos e alguns de vídeo (principalmente aquele feitos por Rubinho Nova, postados no You Tube).

Segue abaixo fotos de algumas bandas e artistas que passaram pela micareta de Itapetinga.

13 - Tapajós 11 - CHICLETE12 - Jorge Zarath
10 - Sara Jane 09 - Banda Bis 08 - Durval Lelis 04 - ASA DE AGUIA 06 - Ademar e Banda Furtacor 07 - Banda Beijo 05 - CIA Clic

03 - trio-pinel-1985 15 - Made in Bahia


Postado por Maurício Gohmes em Bahia, Brasil, Itapetinga, Politica, Sem categoria | 09/fev/2018

IMG-20180208-WA0041Desde as seis horas da manhã que os voluntários do Projeto Paz na Estrada, da 2ª Igreja Batista de Itapetinga já se encontram em seus postos, no trevo  próximo ao Parque da Lagoa, onde os condutores de veículos com destino ao litoral são abordados e orientados quanto à maneira certa de seguir uma viagem tranquila  e segura.


Página 3 de 21012345...102030...Última »

  • MOÇA BONITA

    MOÇA BONITA

Todos os Direitos Reservados - Desenvolvimento: Marcio Contreras | WhatsApp 7799641685 | www.blogdomarcio.com.br |