• A Prado Papelaria agora é correspondente Bradesco!

  • hb-sementes

    hb-sementes
  • IMG-20170911-WA0078

    IMG-20170911-WA0078
Postado por Maurício Gohmes em 04/nov/2017 - 12 Comentários

“Assaltaram a GRAMÁTICA, assassinaram a Lógica” . Paralamas do Sucesso.

O cantor Pablo Vittar

A chamada ideologia  de gênero é um tema que está na moda. Como na moda está ser gay. Mas isso é assunto polêmico pra outro momento e outro lugar.

O que quero chamar a atenção aqui é o que eu ouvi em um programa da Globo, o The Voice Brasil, desta semana, quando tanto a presentador quanto um dos “técnicos”, o Michel Teló, fizeram referência a uma canção interpretada por um dos participantes como sendo do artista trans Pablo Vittar. Até aí tudo bem, mas o que me chamou a atenção foi o fato de se referirem ao  Pablo como A Pablo. Oxe, como assim??? ASSALTARAM  a gramática e agora podem fazer uso dela da forma que quiserem?

Se uma criança tem dificuldades pra entender como que uma pessoa com todas as caraterísticas físicas de homem é uma mulher e como outra pessoa com todas as caraterísticas de mulher é homem já é complicado, agora como DESAPRENDER uma regra gramatical básica da língua portuguesa, cuja gramática já é atropelada, e agora assaltada? Que desgraça é essa que estão fazendo com a nossa Gramática??? A condição trns não nos habilita ao erro grotesco gramatical.

PABLO, na chamada análise morfológica (aquela que antigamente se ensinava na escola), é SUBSTANTIVO PRÓPRIO, MASCULINO, DEFINIDO. Logo, para se referir a esse substantivo utilizava-se o artigo definido masculino “O”. Assim, o gramaticalmente correto seria O Pablo e não A Pablo. A menos que ele mude seu nome para Pabla, aí ficaria tudo bem.  Como o fez a famosa e muito respeitada modelo trans brasileira, Roberta Close, que após optar pelo seu gênero feminino mudou seu nome e Roberto Gambine Moreira para Roberta Gambine Moreira, e, artisticamente, Roberta Close..

A Roberta Close foi a primeira trans a aparecer na capa da Playboy.

Quando um apresentador de televisão e um artista renomado, em um programa de rede nacional de TV, assistido por milhões de estudantes chamam esse arista de A Pablo, penso que se cria uma confusão e desconstrução gramatical nas cabeças dessas crianças.

Respeitando a condição do gênero do artista ou de qualquer outro trans, creio que enquanto o seu nome for um substantivo masculino definido, a morfologia gramatical deve ser respeitada ou então ele que mude seu nome para um  nome feminino. Aí se resolveria o problema.

Daqui a pouco vamos estar ouvindo: A João, A José, ou ainda, O Maria, O Priscila…

Tô entendendo mais nada nesse País desconsertado.

Por Maurício Gomes

12 Comentários

  1. Eder minelli disse:

    Pois e Mauricio responde rápido: Porque o Juventus da mooca-sp e masculino, e a Juventus da Itália e feminino? Eu sei, quero ver vc.

  2. Fabricio disse:

    Qual o motivo do espanto? Ouvimos durante anos falar em presidentA – um verdadeiro assassinato da língua portuguesa, e ninguém falava nada…

  3. Eder minelli disse:

    Errrooooooouuuuu ( como diria Faustão ) no caso dos JUVENTUS, Tem a ver com os mascotes: MOLEQUE TRAVESSO- masculino e A VELHA SENHORA- FEMININO

  4. Altamir Lira disse:

    O maior erro aí esta em chamar Pablo de artista. O que tem se especial nas suas músicas? No palco ele é só uma caricatura mal acabada de superstars de outras décadas. Nada a acrescentar mo cenário cultural.

  5. Tempos Modernos e APOCALÍPTICOS.

  6. João neto disse:

    Amigo Maurício.
    Estamos caminhado para o inicio do fim ou o fim do fim mesmo.
    Não estranhe chamarmos o pênis de a pênis, a vagina de o vagina.
    Duvidas?

  7. Anônimo disse:

    Esses ladrões do PT, roubaram e assassinaram a gramática com essa aberração de presidenta, se essa merda não fosse apeada do poder nós teríamos estudanta, gerenta, dirigenta e outras aberrações.

  8. Julio José Rodrigues disse:

    Boa tarde,

    vcs entenderam a matéria? O que um partido (PT) ou qualquer outro do nosso cenário de ladrões tem a ver? Gente, o que, eu acho que deve ter sido a intenção, é um cara, sem nada a acrescentar, querer se tornar uma celebridade (medíocre por sinal) querendo ser tratada como MULHER ou do gênero feminino. É feio, sem talento, sem nada. Roberta Close ainda era muito bonita e educada. Mas esse ai….

  9. Lia disse:

    Pela primeira vez, não consegui concluir a leitura de uma matéria desse blog! Estarrecida estou.

Deixe o seu comentário!








  • MOÇA BONITA

    MOÇA BONITA

Todos os Direitos Reservados - Desenvolvimento: Marcio Contreras | WhatsApp 7799641685 | www.blogdomarcio.com.br |